As tranças afro são estilos característicos de penteados que expressam identidade, resistência e muita personalidade cultural com referências na ancestralidade negra. Muito sucesso entre as cacheadas e crespas, possuem vários estilos diferentes, brincando com desenhos, cores e texturas. 

 

Box braids, crochet braids, trança nagô e trança twist são apenas alguns dos exemplos. O que eles possuem em comum? Além da beleza sem igual, são penteados complexos com técnicas específicas que exigem muito dos fios.

 

São ótimas opções para quem está passando pela transição capilar e quer viver esse momento com mais liberdade, sem se preocupar com a dualidade do cabelo natural em crescimento e um comprimento quimicamente tratado e danificado, mas exigem muita atenção e cuidados diários. 

 

Se você está pensando em aderir ao visual, confira as 5 dicas que preparamos para seus cabelos viverem esse look com muita saúde!

 

 

Conhecendo os diferentes estilos



Box braids, ou "tranças de caixa", são aquelas divisões capilares de tranças feitas dentro de quadrados. Usa-se um material sintético para alongar o cabelo - kanekalon, jumbo, lã ou outras matérias-primas. Essa técnica exige o uso do cabelo natural, por não ser feita desde a raiz. Muitas pessoas adoram brincar com cores, tamanhos dos trançados e materiais. 

 

Crochet braids são as tranças feitas com agulhas de crochet para costurar o cabelo sintético ao natural. A técnica é feita a partir da raiz e confere um estilo mais natural a quem adere a esse tipo de penteado.

 

Tranças Nagô, ou corn braids, são realizadas rente ao couro cabeludo, puxando desde a raiz. Essa é uma ótima técnica para mulheres que usam lace, pois o enraizamento dos cabelos facilita a sua inserção. Também são muito praticadas pelos homens e podem ser feitas tanto apenas na raiz, quanto ao longo do comprimento dos cabelos. Também podem se valer de diversos desenhos realizados no couro cabeludo como zigue-zagues, espirais, linhas retilíneas etc. 

 

Os cuidados diários com suas tranças 



1 - Atenção ao lavar os cabelos

 

As tranças devem ser lavadas, ao menos, 1 vez na semana. Se você é daquelas que vai para debaixo d'água de 3 em 3 dias, tudo bem também! Mas é importante que essa lavagem seja feita nesse período de tempo, devido à sujeira e ao acúmulo de suor e oleosidade no couro cabeludo. Em contrapartida, lavar com muita frequência acaba por gerar frizz e desgastar rapidamente o penteado.

 

Para uma limpeza eficaz, prefira shampoos detox que limpam profundamente a raiz, mas sem ressecar. Uma boa pedida aqui é usar produtos cowash - técnica em que se usa apenas um condicionador que funciona como um bálsamo higienizante. 

 

Esfregue bem o couro cabeludo e passe um pouco do produto delicadamente no resto do cabelo. Cuidado para não desfazer as tranças. Se você optar por usar um condicionador depois do shampoo, prefira os mais leves, de consistência menos densa e fácil enxágue. 

 

Ao final, embrulhe os cabelos com uma toalha seca e aguarde de 10 a 20 minutos. Depois, libere a cabeleira e deixe secar naturalmente. Como esse processo pode demorar algumas horas, recomendamos que a lavagem das tranças seja realizada no período da manhã ou começo da tarde. 

 

Dica de produto: 

 

Kit Detox e Cowash Acquaflora



 

2 - Prefira produtos à base de óleos naturais

 

Se você gosta de produtos à base de óleo para selar as cutículas das madeixas e diminuir o frizz, prefira os mais naturais e blends que misturam diferentes óleos, formando um verdadeiro elixir para a fibra capilar. 

 

Óleo de coco, óleo de oliva, óleo de argan, óleo de mirra, óleo de canela e óleo de cálamo são ótimas opções - são multifuncionais, hidratantes, emolientes, nutritivos, protetores, disciplinantes, reparadores, tonificantes e muito mais! E tudo isso sem pesar ou entupir os folículos capilares.

 

Além disso, promovem maciez, brilho intenso, força e resistência aos fios. Cuidando das tranças e dos cabelos naturais ao mesmo tempo!

 

Dica de produto:

 

Óleo de Coco Acquaflora

 

Elixir Reparador Acquaflora



 

3 - Mantenha a raiz sempre nutrida e hidratada

 

Manter a hidratação e a nutrição da raiz em dia é muito importante para que as madeixas fiquem sempre resistentes, com boa maleabilidade e textura saudável. Como estamos falando do couro cabeludo, prefira produtos leves, fluidos e que sejam à base de água. Você também pode aproveitar e borrifar um pouco do spray condicionante nas tranças, mas sem exageros! 

 

Faça isso em dias alternados e aproveite para se automassagear, fazendo movimentos circulares delicados no couro cabeludo, para aumentar a vascularização da área. Isso ajuda na oxigenação, melhora o fluxo de água, vitaminas, nutrientes e sais minerais, promovendo um crescimento saudável dos fios.

 

Dica de produto:

Spray Hidratante 2 em 1 sem enxágue Acquaflora Light

Spray Desembaraçante sem enxágue Acquaflora Dia Dia

Fluido Iluminador Acquaflora Sol Mar Piscina

 

 

4 - Faça manutenções regulares

 

Assim como qualquer penteado e tipo de cabelo, fazer manutenções regulares ajudam a manter as madeixas bonitas e a saúde capilar em dia. As tranças vão ficando frouxas e algumas partes acabam se soltando - é importante arrumá-las para um resultado satisfatório.

 

Geralmente, a manutenção é realizada mensalmente entre as onduladas, já que o aparecimento de frizz é mais recorrente, e a cada 2 ou 3 meses para quem possui curvatura do tipo 3 ou 4. Aproveite esse momento para realizar um combo de tratamento - hidratação para os cabelos ressecados, umectação capilar, nutrição e uma boa reconstrução capilar são cuidados essenciais. 

 

 

5 - Não fique com as tranças por muito tempo  

 

Por fim, mas não menos importante: não deixe as tranças por longos períodos. É importante que a raiz capilar descanse e o cabelo se restabeleça. Por mais preguiça que você tenha, ou até mesmo dó de desfazer o penteado, lembre-se que essa prática ajuda os fios a se revitalizarem e ficarem mais fortes e saudáveis - prontos para seguirem por mais uma nova temporada!

 

 

Gostou das nossas dicas? Compartilhe com quem também vai gostar!